Biografia de Mc Roger




Mc Roger (pseudónimo de Rogério Dinis) é um cantor moçambicano de Reggaeton e Pandza e já foi apresentador do programa de televisão “Músicas d’África” da RTP.

Mc Roger revelou-se como estrela da música moçambicana, na sua aparição no hit “O que esta a dar” ao lado do rapper Zito Doggystyle. Até agora lançou 10 álbuns e diversos vídeos.

Sua obra discográfica conta com a participação de diversos ícones da musica nacional como o Doppaz, Mr Arssen e muitos outros.

História
Aos 5 de Junho de 1969 com a emigração da sua mãe para Portugal Rogério Dinis vai viver com os Avôs a ilha de Inhaca. Aos 12 anos retorna a cidade de Maputo para continuar os seus estudos . De Maputo, vai ao encontro de sua Mãe a Portugal já lá estabelecida. É lá onde nasce o interesse pelo mundo da televisão.

Volvidos três anos em terras Lusas regressa para Moçambique afim de realizar o sonho de tentar a sorte na Televisão. Lugar onde entra para a então TVE (actual TVM) por via de João Ribeiro (actual realizador na STV) para o Programa Espaço Aberto. Primeiro como apresentador. Com a saída do João Ribeiro Rogério Dinis assume as rédeas do programa. Estamos nos anos 80. É o primeiro a introduzir o Kwassa Kwassa nos programas da TVE e também o “rap” americano.

Sob influência de músicas de cantores como Michael Jackson, Tupac Shakur nasce o seu interesse pela música.

A sua entrada para o mundo da música dá se pela mão de Zema, que depositou confiança nele, ainda que perplexo com a visão e ideais de Rogério Dinis, nome pelo qual é então conhecido. Estamos na década 90. É nesta altura que Rogério Dinis imbuído por uma estratégia de Marketing decide adoptar o nome artístico de MC ROGER. É também nesta altura que o MC ROGER lança o seu primeiro Disco Compacto (CD), Moçambique Minha Paixão onde figura o seu primeiro sucesso intitulado “Em Maputo me sinto bem”

Lançada a sua primeira obra MC nunca mais pára, até porque o primeiro CD vende 10.000 copias correspondentes, a um disco de prata. A seguir arrecada mais três discos de ouro, na sequência de outros dois álbuns nos quais contracena com Mr. Arssen. Contacto feito a MC Roger no seguimento do já anunciado sucesso de MC Roger com o titulo Moçambique minha Paixão.

Produzidos alguns álbuns em parceria, Mr. Arssen, se decidi por uma carreira a solo,acto acarinhado por MC Roger. Ele, MC Roger, que prossegue a sua carreira com um potencial de ascensão que se concretiza com a sua actuação a solo no single Tú és Bela, música que acompanhada do respectivo video gravado em Moçambique e em Portugal vem confirmar um MC Roger seguro e com créditos firmados. Tal se pode comprovar pelos sucessos seguintes, tais como: ”Tu és bela”, “Mexe esse Mambo”, “Zagaza” e o sucesso de 2007 “Patrão é Patrão”.

Passagem para RTP África
Depois de experiência acumulada na área da apresentação, o cantor e apresentador entra na RTP com um projecto que visa a divulgação da música africana, numa altura em que não existe qualquer programa do género naquele canal do grupo RTP.

Nasce assim o programa Músicas de África que durante os primeiros anos é apresentado por si, estando actualmente a receber colaboração de Vanessa Figueiredo. O espaço é coordenado pelo Ricardo Mota estando a realização sob responsabilidade de Orlando Elias. A equipa tem contribuído para o sucesso do programa. Ele que conta com bastante audiência nos PALOP’s e Portugal.

MC Roger admite que a sua popularidade tenha aumentado com a sua passagem para este canal. É que na RTP MC Roger deixa de ser apenas artista conhecido localmente para se tornar num actor global. Para tal contribuiu bastante o facto de ter dado os primeiros passos na TVM.

Música e Televisão de Mãos Dadas.[editar | editar código-fonte]
MC Roger não se imagina sem fazer televisão. Muito menos sem proporcionar música de dança aos seus fãs. Algo que mais gosta de fazer. Neste contexto sempre se bateu por melhorar sua performance não só como cantor mas também como apresentador. Nesta caminhada sempre contou com gente interessada em lhe transmitir aquilo que não que fosse mais valia para a sua rápida escanção.

MC Roger afirma-se um homem bem rodeado. E diz encontrar nessas palavras a única explicação para estar onde está.

“Na na área da música é difícil termos amigos verdadeiros” -sentencia MC Roger.

O facto de ser um músico patriótico, que promove o País onde quer que esteja faz com que grande parte dos moçambicanos, com realce para a classe empresarial o apoiem e encorajem a prosseguir.

Fonte: Wikipédia