Biografia de Beto Dias

Beto Dias, nasceu no Concelho do Tarrafal de Santiago, na localidade de Ribeira das Pratas.

Desde cedo descobriu a sua aptidão pela música e na infância já elegera Norberto Tavares como o pai de todas as suas inspirações. O projecto de seguir a música define-se na Holanda, para onde emigra, com apenas 11 anos de idade, em companhia dos pais e irmãos.

Na década 80 integra-se ao grupo Rabelados como guitarrista e começou a sua carreira musical, com determinação e talento, não demorou tanto, Beto Dias tornou-se o líder e a principal voz da banda, ao lado do também músico Meno Petcha.

Rabelados foi uma das primeiras bandas cabo-verdianas na diáspora a trabalhar o funaná estilizado. Á par desse ritmo, e sob a liderança de Beto Dias, o grupo explorou também o batuque, a balada, e outros ritmos mais jovens.

Com os Rabelados, Beto Dias gravou dois discos: O CD de estreia da banda “Unidade e amor (1989)”, e “Sukuru (1996)”, o álbum de despedida, já que o grupo se extinguiu em 1997. A partir dessa data, Dias inicia uma bem sucedida carreira a solo, traduzida numa sólida discografia, inúmeras actuações e participações em projectos musicais diversos.

Beto Dias começou como um empenhado guitarrista, e se revelou um excelente intérprete e um compositor bem sucedido.

Nos últimos tempos tem sido ele o responsável pelos seus trabalhos em todas as fases de produção.

Nota: Essa biografia é muito pobre, caso queira enriquecer envie-nos um email para contacto@musicantiga.com




Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: