Biografia de Mirri Lobo

Mirri Lobo, nome artístico de Emilio Rito de Sousa Lobo (Ilha do Sal, 22 de Maio de 1960) é um cantor e intérprete de Morna e Coladeira, ritmos tradicionais de Cabo Verde.

Biografia

Filho de Emílio de Sousa Lobo, e de sua mulher Cacilda Brito de Sousa Lobo, Mirri Lobo nasceu em Pedra de Lume, Ilha do sal, a 22 de Maio de 1960.

Intérprete e compositor, revelou o seu talento para a música desde muito cedo, tendo no entanto iniciado o contacto com o grande público só aos 19 anos de idade, em finais de 1979, altura em que cumpria o serviço militar obrigatório, na cidade da Praia, Republica de Cabo Verde.

Findo a prestação do serviço militar em 1981 e de regresso à ilha natal, Mirri Lobo integrou a banda musical local “Clave de Sal” na companhia de grandes músicos e compositores, nomeadamente Antero Simas e Chiquinho Evora.

Em 1982 participa do concurso “TODO O MUNDO CANTA” tendo-se classificado em primeiro lugar a nível local e em segundo a nível Nacional facto que proporcionou ao artista uma maior notoriedade.

Mirri Lobo Sempre encarou a musica como um Hobby ate que em 1987 resolve gravar o seu primeiro Álbum intitulado “ALMA VIOLÃO”, produzido por Dany Silva.

Com um reportório diversificado entre musicas de compositores actuais e alguns clássicos o disco “ALMA VIOLÃO” viria a ter grande sucesso, com especial destaque para a interpretação da morna “BELA”, que na altura atingiu todos o Top nas rádios do Pais.

Também em 1987 e na sequência do sucesso do primeiro trabalho discográfico Mirri Lobo foi convidado a participar no festival de música folclórica, apresentado pela RTP Madeira .

Entre 1988 e 2009 grava mais três trabalhos discográficos a solo e participa em dois trabalhos conjuntos.

Em 2010 depois de um interregno de 12 anos sem gravar a solo, lança o álbum “Caldera Preta”,[1] com treze temas inéditos, marcando assim o regresso triunfal de Mirri Lobo.

A faixa “Incmenda d’Terra” do álbum “Caldera Preta” atingiu o Top em todos os órgãos de comunicação social sendo considerado o maior sucesso musical da ultima década.

Em 2012 e na sequência do sucesso do álbum Caldera Preta, Mirri Lobo é nomeado para 5 categorias no CVMA 2012, tendo vencido em quatro das categorias, nomeadamente, Melhor Voz Masculina, Melhor Álbum Acústico, Melhor Coladeira, e Melhor Musica do Ano.

Discografia

Álbuns

Ano Título Produtor Executivo Produtor Musical Etiqueta
1987 “Alma Violão” Mirri Lobo Dany Silva Dany Silva
1988 “Matchamor” Mirri Lobo Dany Silva Dany Silva
1995 “Paranoia” Ramiro Mendes Ramiro Mendes mb Records Inc.
1998 “Nos Raça” Hotel Morabeza Chiquinho Évora e Panota Lusafrica
2010 “Caldera Preta” Mirri Lobo Djim Job, Kalu Monteiro, Kim Alves Mirri Lobo

Colaborações

Ano Título Produtor Executivo Produtor Musical Etiqueta
2007 “Crianças di Nos Terra” Nando da Cruz Nando da Cruz Nando da Cruz
2009 “Kriolo” Antero Simas Antero Simas Antero Simas
2012 “Bom SInal” Dany Santos Dany Santos Dany Santoa

Prémios, nomeações e outras honrarias

Ano Álbum Nomeações Prémios
2012 “Caldera Preta” Melhor Voz Masculina Melhor Voz Masculina
2012 “Caldera Preta” Melhor Álbum Acústico Melhor Álbum Acústico
2012 “Caldera Preta” Melhor Coladeira Melhor Coladeira
2012 “Caldera Preta” Melhor Morna X
2012 “Caldera Preta” Melhor Musica do Ano Melhor Musica do Ano

Fonte: Wikipédia




Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: